Skip to content

Novas Regras da Aposentadoria em 2021 – Benefícios em RISCO!

Você pertence à classe dos que usufruem dos benefícios do INSS? Então este artigo irá lhe ajudar muito, assim como alertar você dos riscos de acordo com as novas regras aposentadoria 2021. A partir de agora, se suas documentações não estiverem em dia, você corre o risco de perder seu benefício, por isso mantenha seus dados atualizados frequentemente. O pente-fino, irá convocar aqueles que não tem atualizações por pelo menos 6 meses.

Conheça também o que irá mudar na aposentadoria, você deve estar se perguntando “aposentadoria 2021 o que muda? ” Nós vamos lhe ajudar também! E agora você sabia que com a correção aposentadoria 2021 você pode inativar os descontos da sua folha de pagamento da sua aposentadoria? Acessando o Meu INSS você consegue fazer tudo isso, no conforto de sua casa, sem aglomeração.

Confira mais informações sobre Novas regras da aposentadoria 2021:

Novas Regras da Aposentadoria em 2021: quando está valendo?

aposentadoria 2021 valor
Novas Regras da Aposentadoria em 2021 – Benefícios em RISCO!

De acordo com novas regras aposentadoria 2021, que ainda se encontram em aumento progressivo, é chamado de regra de transição. Em 2020 a idade que será exigida, era 60,5 anos, agora no novo ano de 2021, foi aumentado para 61 anos. Em 2022 61,5 anos, e assim por diante.  São válidas a partir do primeiro mês do ano, janeiro.

Novas Regras da Aposentadoria em 2021: quem pode perder o benefício?

Com o reajuste aposentados 2021, todas as pessoas que recebem algum tipo de benefício por incapacidade, invalidez ou doença, que estão há mais de 6 meses sem revisão podem ser chamados para o “pente-fino”, podendo perder o benefício caso não atendam às exigências solicitadas.

Para evitar este tipo de situação, aconselhamos você deixar a documentação e todos os laudos médicos possíveis em dia, ter todos os dados atualizados no INSS, e ficar bastante cauteloso nos principais meios de contato, para que não perca nenhuma eventual convocação.

Os que podem ser convocados para o pente-fino, devem ser os que usufruem do benefício auxílio-doença, e aposentadoria por invalidez. Tal ato convoca apenas aqueles que estão há mais de 6 meses sem perícia.

Existe a exceção que são as pessoas com 60 anos ou mais, na qual recebem aposentadoria por invalidez, nessa idade, elas estão fora de risco de perder o benefício. Aposentados e pensionistas podem ser convocados para o pente-fino. Bem como aqueles que recebe pensão por morte ou BPC (Benefício de Prestação Continuada).

O que muda na aposentadoria por idade?

A aposentadoria 2021 por idade, felizmente não há alterações nesta regra, para homens a idade mínima continua sendo de 65 anos, agora para as mulheres, começa com 60 anos a idade mínima. Mas em 2020, a idade mínima de aposentadoria da mulher é acrescida seis meses a cada ano até chegar a 62 anos em 2023.

O que muda na aposentadoria por tempo de contribuição?

E a aposentadoria 2021 como fica? Cabe aqui esclarecer que as mudanças aconteceram apenas na aposentadoria por tempo de contribuição, nada muda na aposentadoria por idade! As regras continuam sendo as mesmas para a aposentadoria por idade.

Agora o tempo mínimo de contribuição continua 15 anos e as idades são 60 anos para mulheres e 65 anos para homens. Para as mulheres a idade mínima será de 57 anos e 30 anos de contribuição, no caso dos homens será 60 anos de idade e 35 anos de contribuição.

Como proteger meu benefício de aposentadoria?

Com as novas regras aposentadoria 202, você sabe como proteger? Você pode acessar o portal “Meu INSS” para recusar descontos na sua conta de aposentadoria ou pensão, pois muitos dos segurados do INSS obtiveram descontos na sua folha de pagamento, que são normalmente empréstimos consignados ou de mensalidades sendo cobradas.

Agora você pode inativar isso utilizando o Meu INSS, a central de atendimento criada para que os segurados possam consultar seus benefícios. Pode ser feito pelo site oficial do INSS ou pelo app. Primeiro antes de tudo você deve fazer um cadastro no Meu INSS, quando for ter seu primeiro acesso, você deve cadastrar sua senha. Quando voltar ao Meu INSS, e digitando sua senha nova, o segurado terá vários serviços, você deve escolher a opção “Extrato de pagamento”.

Na tela seguinte, irá aparecer se existem valores que são descontados do benefício do INSS. Caso haja alguma associação, o site exibirá o nome da instituição que permite o desconto e o número do contrato. Voltando na página inicial do Meu INSS, acesse “Agendamentos/solicitações”, em seguida “Atualização para Manutenção do Benefício e Outros Serviços”

Busque na página “Solicitar Exclusão de Mensalidade de associação ou sindicato no benefício” e pronto, basta preencher com os documentos e número de contrato e destacar qual entidade você deseja interromper a cobrança.

Gostou desse artigo? Há outros artigos em nosso blog, acompanhe.

Compartilhar: